<HTML><HEAD><TITLE>9 Congresso Nacional da Rede Unida 2010</TITLE><link rel=STYLESHEET type=text/css href=css.css></HEAD><BODY aLink=#ff0000 bgColor=#FFFFFF leftMargin=0 link=#000000 text=#000000 topMargin=0 vLink=#000000 marginheight=0 marginwidth=0><table align=center width=700 cellpadding=0 cellspacing=0><tr><td align=left bgcolor=#cccccc valign=top width=550><font face=arial size=2><strong><font face=Verdana, Arial, Helvetica, sans-serif size=3><font size=1>9 Congresso Nacional da Rede Unida 2010</font></font></strong><font face=Verdana size=1><b><br></b></font><font face=Verdana, Arial,Helvetica, sans-serif size=1><strong> </strong></font></font></td><td align=right bgcolor=#cccccc valign=top width=150><font face=arial size=2><strong><font face=Verdana, Arial, Helvetica, sans-serif size=1><font size=1>Resumo:654-1</font></em></font></strong></font></td></tr><tr><td colspan=2><br><br><table align=center width=700><tr><td><b></b><br><table width="100%"><tr><td width="60">654-1</td><td><b>"OS ESTUDANTES DE ENFERMAGEM E O SUS: um estudo sobre o processo de formao profissional e sua relao com SUS".</b></td></tr><tr><td valign=top>Autores:</td><td><u>Silvia Cypriano Vasconcellos </u> (DAB - Diretoria de Ateno Bsica) ; Simone Elizabeth Duarte Coutinho (UFPB - Universidade Federal da Paraba) </td></tr></table><p align=justify><b><font size=2>Resumo</font></b><p align=justify class=tres><font size=2>Desde a Constituio Federal de 1988, compete ao Sistema nico de Sade (SUS) a ordenao da formao de profissionais na rea da sade. No entanto, apesar dos avanos nas mudanas curriculares, atravs da implementao da Lei de Diretrizes Curriculares dos Cursos da rea da Sade, percebemos que a lgica da formao profissional, muitas vezes, no dialoga com os princpios e diretrizes preconizadas pelas Polticas Pblicas de Sade. O presente estudo que teve o objetivo conhecer a percepo dos estudantes de enfermagem da Escola de Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (EEUFRGS) acerca do processo de formao profissional e sua relao com o SUS. O estudo foi desenvolvido na EEUFRGS, no ano de 2006, e configura-se como uma pesquisa do tipo qualitativa descritiva-exploratria. Os sujeitos do estudo foram 10 estudantes de enfermagem do 5 e 8 semestre desta instituio, pois os mesmos j desenvolveram prticas curriculares em todos os nveis do sistema de sade. As informaes foram coletadas atravs de entrevistas semi  estruturadas. E tambm utilizou-se como fonte de informaes as smulas e planos de ensino das disciplinas dos semestres em questo. Para anlise dos dados, utilizou-se a tcnica de anlise de contedo. Durante a elaborao do trabalho, observou-se que os estudantes de enfermagem identificam o SUS enquanto contedo programtico apenas nas disciplinas de Enfermagem Comunitria. Situao esta que, a primeira vista, se faz pensar que os estudantes compreendem o SUS como um contedo restrito a sade comunitria, desconhecendo a organizao do sistema como uma rede de servios regionalizados e hierarquizados. Paradoxalmente, ao buscarmos nos planos de ensino das disciplinas do 5 e 8 semestre e suas respectivas smulas, encontramos o SUS como contedo programtico somente na disciplina de Sociologia da Sade. Apesar das transformaes realizadas nos currculos dos cursos de enfermagem ao longo dos anos, baseadas em portarias e resolues do Ministrio da Sade e Educao, ainda h um distanciamento entre a formao que proporcionamos aos estudantes da EEUFRGS e o SUS. Deste modo, conclui-se que a formao de profissionais de sade permanece como um dos principais desafios para efetivao, implementao e consolidao do SUS. </font></p><br><b>Palavras-chave: </b>&nbsp;Formao de Recursos Humanos, Sistema nico de Sade</td></tr></table></tr></td></table></body></html>