<HTML><HEAD><TITLE>9 Congresso Nacional da Rede Unida 2010</TITLE><link rel=STYLESHEET type=text/css href=css.css></HEAD><BODY aLink=#ff0000 bgColor=#FFFFFF leftMargin=0 link=#000000 text=#000000 topMargin=0 vLink=#000000 marginheight=0 marginwidth=0><table align=center width=700 cellpadding=0 cellspacing=0><tr><td align=left bgcolor=#cccccc valign=top width=550><font face=arial size=2><strong><font face=Verdana, Arial, Helvetica, sans-serif size=3><font size=1>9 Congresso Nacional da Rede Unida 2010</font></font></strong><font face=Verdana size=1><b><br></b></font><font face=Verdana, Arial,Helvetica, sans-serif size=1><strong> </strong></font></font></td><td align=right bgcolor=#cccccc valign=top width=150><font face=arial size=2><strong><font face=Verdana, Arial, Helvetica, sans-serif size=1><font size=1>Resumo:502-1</font></em></font></strong></font></td></tr><tr><td colspan=2><br><br><table align=center width=700><tr><td><b>Poster (Painel)</b><br><table width="100%"><tr><td width="60">502-1</td><td><b>A arte de cuidar de quem cuida: experincia do grupo de cuidadores do Alto do Pascoal, Recife-PE</b></td></tr><tr><td valign=top>Autores:</td><td><u>Lorena Albuquerque de Mlo </u> (UPE - Universidade de Pernambuco) ; Cludia Fell Amado (UPE - Universidade de Pernambuco) ; Renata Morais de Santana (UPE - Universidade de Pernambuco) ; Joelma Farias de Oliveira (UPE - Universidade de Pernambuco) ; Manoela Gabriel Martins (UPE - Universidade de Pernambuco) ; Maria Anglica Bezerra de Oliveira (UPE - Universidade de Pernambuco) ; Viviani Cavalcanti Pinto (UPE - Universidade de Pernambuco) ; Danyelle de Cssia Ribeiro (UPE - Universidade de Pernambuco) </td></tr></table><p align=justify><b><font size=2>Resumo</font></b><p align=justify class=tres><font size=2>O ato de cuidar voluntrio e complexo, tomado por sentimentos diversos e contraditrios. Esses sentimentos podem ser simultneos e devem ser compreendidos, fazendo parte da relao entre o cuidador e a pessoa cuidada. A funo de cuidar necessita de clareza sobre a estrutura familiar, o tipo de cuidado a ser executado, o tempo necessrio, as caractersticas da doena e o acompanhamento profissional (Karsch,2003). Martins et al. (2007), observaram que as principais necessidades educativas dos cuidadores estavam relacionadas s doenas e seus agravos, terapia medicamentosa, dietas e exerccios fsicos. Para Souza et al. (2007), educao em sade pode ser uma alternativa para oferecer ateno aos cuidadores leigos. A educao Popular em Sade possibilita o indivduo ampliar a sua conscincia crtica e potencializar sua autonomia, por meio de uma abordagem participativa, criativa e inovadora com foco na Promoo da Sade. (Bocchi, 2004). Diante disso, e da demanda de acamados existentes na rea, a equipe da Residncia Multiprofissional Integrada em Sade da Famlia (RMISF), se props a oferecer um espao de capacitao e orientao aos cuidadores de pessoas acamadas e com deficincia, quanto aos cuidados adequados, manejos especficos e informaes relacionadas s condies clnicas dos usurios. A princpio o grupo foi constitudo pelos cuidadores e Agentes Comunitrios de Sade da equipe Alto do Pascoal III. As atividades foram programadas em 6 encontros com 5 mdulos. No primeiro encontro foi feita a apresentao da proposta, traado o perfil do cuidador e da pessoa cuidada e feitas as pactuaes para os demais encontros. As atividades subseqentes tiveram como temas:  conhecendo a doena + cuidado com ferimentos;  conhecendo os medicamentos ;  cuidados dirios e alimentao ;  mobilidade, posicionamento e adaptaes e  subjetividade e comunicao . Estas atividades trouxeram como resultados o maior esclarecimento quanto aos cuidados oferecidos aos acamados e manejos especficos, a melhora da qualidade de vida do cuidador, alm de potencializar o trabalho do ACS como multiplicador. Conhecer as variveis relacionadas sobrecarga pelo qual passam os cuidadores bem como a divulgao deste conhecimento, passa a se constituir numa condio necessria equipe de sade durante a elaborao de intervenes direcionadas para estes e as pessoas cuidadas, como estratgia de melhoria da qualidade de vida dos mesmos.</font></p><br><b>Palavras-chave: </b>&nbsp;cuidadores, educao popular, acamados</td></tr></table></tr></td></table></body></html>