<HTML><HEAD><TITLE>9 Congresso Nacional da Rede Unida 2010</TITLE><link rel=STYLESHEET type=text/css href=css.css></HEAD><BODY aLink=#ff0000 bgColor=#FFFFFF leftMargin=0 link=#000000 text=#000000 topMargin=0 vLink=#000000 marginheight=0 marginwidth=0><table align=center width=700 cellpadding=0 cellspacing=0><tr><td align=left bgcolor=#cccccc valign=top width=550><font face=arial size=2><strong><font face=Verdana, Arial, Helvetica, sans-serif size=3><font size=1>9 Congresso Nacional da Rede Unida 2010</font></font></strong><font face=Verdana size=1><b><br></b></font><font face=Verdana, Arial,Helvetica, sans-serif size=1><strong> </strong></font></font></td><td align=right bgcolor=#cccccc valign=top width=150><font face=arial size=2><strong><font face=Verdana, Arial, Helvetica, sans-serif size=1><font size=1>Resumo:421-1</font></em></font></strong></font></td></tr><tr><td colspan=2><br><br><table align=center width=700><tr><td><b>Poster (Painel)</b><br><table width="100%"><tr><td width="60">421-1</td><td><b>PROJETO DE EXTENSO SABER CUIDAR: EDUCAO COM CIDADANIA</b></td></tr><tr><td valign=top>Autores:</td><td><u>Caroline Rafaela Magalhes </u> (UNIFESP - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SO PAULO) ; Samuel Sueharu Oka (UNIFESP - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SO PAULO) ; Tuigi Reis Burlina (UNIFESP - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SO PAULO) ; Thalita Pacheco Villas Boas (UNIFESP - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SO PAULO) ; Mariana Tereza Monferdini Ruoco (UNIFESP - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SO PAULO) ; Edme Severino dos Santos (UNIFESP - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SO PAULO) ; Maria Zetildes Lima (UNIFESP - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SO PAULO) ; Ana Cristina Passarella Bretas (UNIFESP - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SO PAULO) </td></tr></table><p align=justify><b><font size=2>Resumo</font></b><p align=justify class=tres><font size=2>Caracterizao do problema. Saber Cuidar um projeto de extenso da Unifesp, desenvolvido no Jd So Savrio, em So Paulo. Contribui para a aprendizagem, formao crtica e crescimento dos participantes  estudantes, movimento popular de sade, docentes, integrantes da comunidade. Os trabalhos se do de forma interativa, visando permitir que no apenas os estudantes apliquem as intervenes, mas, que, tambm os membros da comunidade possam intervir em seus prprios processos. Descrio da experincia. Descrever a experincia da atuao no projeto em 2009 em parceria com o movimento popular de sade. Fundamenta-se nos pressupostos de Freire, na crena de que mudar possvel e que os seres humanos no so puros espectadores, mas atores tambm da histria, que mudar implica saber que faz-lo possvel. As atividades desenvolvidas estimulam conscincia crtica dos participantes a respeito do papel que desenvolvem na sociedade. Efeitos alcanados. Evidenciou-se que as intervenes deveriam focar-se na questo do lixo. Para conhecer a regio participamos de uma campanha contra a dengue e a leptospirose indo s casas com um dos estudantes fantasiado de Aedes, distribuindo material educativo. Iniciamos a campanha  adote um espao pblico , pintando em mutiro um muro em frente escola, a retirada do lixo e a plantao de mudas, atraindo as pessoas da comunidade para que participassem da ao. O mesmo processo foi realizado numa praa pblica utilizada como depsito de lixo, vitalizando-a. Esses espaos esto sendo conservados por um sentimento de pertencimento da comunidade. Esses foram pontos de relevncia, j que um dos objetivos do projeto  fazer com e no  fazer para , apesar de que a segunda opo seria muito mais fcil, pois,  fazer com implica em alm de ensinar a fazer, promover uma reflexo acerca do benefcio que se obtm e  fazer para no conduz a comunidade a auto gerir-se. Recomendaes. Os estudantes assinalam que o Projeto alm de ser uma forma de aprendizado acadmico, promove tambm crescimento pessoal, propicia a experincia da convivncia com movimentos sociais organizados. A proposta um desafio que os motiva, fazendo-os adentrar em mundos desconhecidos at ento. Permite conhecer pessoas, suas individualidades e semelhanas, situaes diversas, acontecimentos inditos que conduzem a reflexes de ordem interdisciplinar. O grupo releva a questo da troca que se d nesse contexto, em que um aprende com o olhar do outro.</font></p><br><b>Palavras-chave: </b>&nbsp;CIDADANIA, ENSINO, EXTENSO</td></tr></table></tr></td></table></body></html>